Simpósio de Biologia: Desafios da década

Evento no Rio de Janeiro traz à tona questões como água potável, biossegurança e transgênicos. Palestras, fotos e trabalhos premiados estão disponíveis aqui.



Após o evento realizado em Vitória (ES) no dia 2 de setembro, foi a vez do Rio de Janeiro receber o Simpósio de Biologia, organizado pelo CRBio-02 em comemoração ao Dia do Biólogo. No dia 4 de setembro, a Fundação RioZoo (Espaço Macaco Tião) foi palco de três painéis em formato talk show sobre os Desafios da década, englobando assuntos como gestão da água potável no Rio de Janeiro, biossegurança e alimentos transgênicos. Pela manhã, a jornalista Shanna Honório mediou o painel, enquanto a também jornalista Déborah Leitte foi responsável pela mediação vespertina.

Em pleno Jardim Zoológico carioca, biólogos e estudantes de Ciências Biológicas se reuniram com o intuito de aprender e se atualizar sobre as diversas áreas da profissão. Além de uma extensa equipe do CRBio-02, estiveram presentes Luiz Paulo Fedullo, diretor técnico da Fundação RioZoo, Cláudia Carvalho, diretora do Museu Nacional da Ufrj e a Dra. Fátima Cristina Ignácio de Araújo, conselheira do Conselho Federal de Biologia (CFBio) que realizaram a abertura oficial do evento em conjunto com Vicente Moreira Conti, presidente do CRBio-02.

Painel Água Potável: um grande desafio da década



Um dos maiores desafios da atualidade é a gestão da água potável. Décio Tubbs Filho, presidente do Conselho Estadual de Recursos Hídricos do Estado do Rio de Janeiro (CERHI-RJ) e mestre em geoquímica ambiental iniciou o debate sobre o tema e analisou a crise da água: "Precisamos torcer para que as chuvas caiam também no Paraíba do Sul", considerou Tubbs. Confira a apresentação de Tubbs: Clique Aqui

Bióloga e conselheira do CRBio-02, Gláucia Freitas Sampaio discursou sobre monitoramento de qualidade da água e gestão de bacias hidrográficas. Mestre em Engenharia Ambiental, Glaucia respondeu diversas perguntas do público interessado no assunto. Confira a apresentação de Gláucia: Clique Aqui

Biossegurança é um mercado promissor da Biologia



A convidada Leila dos Santos Macedo, presidente da Associação Nacional de Biossegurança (ANBio), é responsável por introduzir a biossegurança no Brasil. Durante a palestra, Leila destacou as diferenças entre os conceitos de biossegurança e biosseguridade. Segundo a pesquisadora e doutora em Microbiologia e Imunologia, a biossegurança é um campo de trabalho crescente e muito promissor.

Confira a apresentação de Leila Macedo: Clique Aqui

O biólogo Flávio Rocha é pesquisador, mestre em microbiologia e da comissão de biossegurança do Instituto Oswaldo Cruz (IOC), também coordena o projeto Fórum Itinerante de Ciência e Saúde. Flávio participou desse painel e demonstrou quais fatores podem levar um profissional experiente a se contaminar, entre eles: falta de treinamento, pouca experiência, cansaço ou excesso de segurança. Em seguida, foram apresentados dados de uma pesquisa sobre casos de acidentes com materiais patogênicos e suas causas, tais como quedas, mordidas ou arranhaduras de animais, objetos perfuro-cortantes e aerossóis. Confira a apresentação de Flavio Rocha : Clique Aqui

A polêmica dos transgênicos: "A noção de segurança alimentar é um conceito muito flexível"

O Brasil foi o segundo país que mais cultivou variedades alimentos transgênicos em 2013, perdendo apenas para os Estados Unidos, segundo relatório do Serviço Internacional para Aquisição de Aplicações em Agrobiotecnologia (ISAAA). Para falar sobre riscos e benefícios em torno do uso de alimentos geneticamente modificados, o CRBio-02 trouxe Maria Antônia Malajovich, diretora científica da Associação Nacional de Biossegurança (ANBio), que disse: "A noção de segurança alimentar é um conceito muito flexível". De acordo com Maria Antônia, pesquisas de organizações internacionais como FAO e OMS concluíram que alimentos transgênicos disponíveis são tão seguros quanto os tradicionais. Confira a apresentação de Malajovich: Clique Aqui



A palestrante Janaína Cavalcanti é pesquisador-tecnologista em Metrologia e Qualidade do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), atuando como geneticista molecular e em biotecnologia de microrganismos, e levou para o Simpósio exemplos de pesquisas, tecnologias e aplicações referentes ao tema, demonstrando as diferenças entre alimentos transgênicos e não-transgênicos quanto à durabilidade, sabor e nutrientes. Janaína também falou sobre a utilização de algas geneticamente modificadas para a produção de energia renováveis e biocombustíveis: “As algas são cultivadas para produção ocorrer por um baixo custo e alto rendimento energético, com matéria prima renovável. O biocombustível baseado no cultivo de algas pode ser revertido em diesel, gasolina e até querosene para a aviação”, explicou. Confira a apresentação de Janaína: Clique Aqui

Prêmio Biólogo Antônio José Bianchi Nunes

Por iniciativa da família Torres Nunes, o CRBio-02 criou o Prêmio Biólogo Antonio José Bianchi Nunes a fim de premiar trabalhos de acadêmicos de Cursos de Graduação em Ciências Biológicas que contribuam com propostas relevantes para a sociedade, e que versem sobre uma das áreas das Ciências Biológicas – Saúde, Meio Ambiente, Educação e Biotecnologia. Neste ano, os vencedores foram:

Categoria Profissional:

1° lugar: “Saúde na Escola: Qual o papel do Biólogo no cargo de professor de Ciências ou Biologia?”. De Roberto Eduardo Albino Brandão e Sayonara Cidia Corrêa Montenegro. Confira: http://bit.ly/1r5g2Y5

2° lugar: “A linguagem matemática da natureza na logística do combate à dengue”.
De Flavio Joppert. Veja o banner: Clique Aqui

Categoria Estudante:

1° lugar: “A utilização de ferramentas virtuais e lúdicas no ensino de Ciências e Biologia”. De Mônica Salazar Souza e Elizabeth Cristina Ferreira dos Santos.

2° lugar: “Explorando alternativas para o ensino de Microbióloga”. De Michele Pereira Souza, Fátima Kzam Damaceno de Lacerda, Aline Peçanha Muzy Dias e Viviane Louback Gitti. Leia mais: http://bit.ly/1maYjy4

II Concurso de Fotografia Sebastião Fontinha

Foto Legenda: Ramon Henrique, Márcio Morais e Beatriz Pavão: vencedores do II Concurso de Fotografia Sebastião Fontinha


O Concurso é aberto para Sociedade em geral residentes no RJ e no ES, que não se enquadrem na categoria de “fotógrafo profissional”, ou seja, que sua renda mensal não provenha da venda ou marketing de suas fotos. Foram 49 fotografias inscritas, que deveriam estar enquadradas em uma das seguintes categorias: Paisagem, Vida silvestre ou Vida microscópica.

Confira os vencedores:

Paisagem: “Um ponto de esperança” foto de Ramon Henrique Couto:



Vida silvestre: “Claro e escuro”:



Vida microscópica: “Cascata Viva” foto de Beatriz Philot Pavão:



[Postado em 23/9/2014 | 3578 visualizações]




Quem leu, também se interessou por...

Biólogos de todo o país vão se reunir para discutir desafios, conquistas e oportunidades para a profissão

O Conselho Federal de Biologia e os Conselhos Regionais (Sistema CFBio/CRBios) vão realizar, pelo segundo ano consecutivo, a Conferência Nacional de Biologia (ConfeBio). A 2ª ConfeBio, que acontecerá nos dias 1 a 3 de setembro, será um evento online, gratuito, que visa a estabelecer um espaço de compartilhamento e debate de temáticas relevantes para a atuação na área das Ciências Biológicas.

Termo de Aceite e Consentimento
Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso site e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao navegar nesse site, você concorda com o monitoramento e nossa política de privacidade. Atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nossa Política de Privacidade.